Afogados da Ingazeira

Afogados tem esquema especial para retomada do expediente bancário e dos mercados neste segunda (29)

80Visualizações

A partir desta segunda, as agências bancárias, lotéricas e mercados voltam a funcionar. Em decorrência disso, a Prefeitura de Afogados reforçou as equipes para ajudar na orientação de uma retomada segura dessas atividades. Além da vigilância sanitária, guarda municipal e do apoio da PM, a prefeitura contratou seguranças particulares para ajudar no distanciamento tanto na caixa quanto nas demais agências e lotéricas. Haverá também fiscalização nos mercados, para não haver pessoas além do permitido de acordo com a área de cada estabelecimento. 

O auto-atendimento na Caixa  começa a funcionar a partir das 6h. As equipes do município já estarão no local às 5h30. 

A Av. Manoel Borba estará interditada no trecho entre a Barão de Lucena e a XV de Novembro, onde a Prefeitura instalou toldos e disciplinadores para melhor organização das filas da caixa e para garantir o distanciamento social. O túnel de desinfecção para covid será instalado pela secretaria de saúde no acesso às filas. Portanto, só será permitida a entrada após a passagem pelo túnel, cuja tecnologia de desinfecção, aprovada pela UNICAMP, tem eficácia de mais de 99% na eliminação do vírus em superfícies. 

As medidas foram discutidas conjuntamente com o ministério público – o promotor Lúcio Luiz de Almeida –  e o CDL/Afogados, na pessoa do seu presidente, Darlan Quidute. Na reunião, Além do Prefeito Alessandro Palmeira, e do vice, Daniel Valadares, também se fizeram presentes os Secretários de saúde, Artur Amorim, de Administração e Des. Econômico, Ney Quidute, além da vigilância sanitária  e da empresa de segurança particular contratada. 

Se você puder, faça seus afazeres bancários e compras de mercado na parte da tarde, deixe a manhã para quem vem da zona rural. 

Com organização e disciplina, usando máscaras, higienizando as mãos com álcool em gel e mantendo o distanciamento, vamos poder ter uma retomada segura do nosso comércio sem a necessidade da adoção de medidas restritivas. Essa responsabilidade é nossa, é sua, é de todos.